Os 2 seguros mais importantes que cada um de nós deve ter... Seja Individual ou Empresa!


Como diz o provérbio “sem saúde, não temos nada”. Já pensou seriamente nesta frase?
Todos nós nos levantamos diariamente para ir trabalhar, ganhamos o nosso ordenado, fazemos dinheiro com o nosso negócio, temos os nossos filhos, os nossos cônjuges, pagamos as nossas contas…
Porque temos saúde e que nos permite viver a nossa vida em pleno.
Imagine que um dia a saúde lhe falta. O problema de saúde é tal que não lhe permite ir trabalhar. Por não trabalhar, não recebe o seu ordenado; por não gerir a sua empresa, ela vai à falência. Não tendo dinheiro, não pode pagar as contas (incluindo a prestação ao Banco da sua habitação, o seguro do carro e da casa), não pode proporcionar aos seus filhos a melhor educação possível nos melhores colégios. O Banco acaba por ficar com sua casa e possivelmente com o seu carro.
A não ser que seja rico, tem problemas bem sérios além da sua saúde.
Já percebeu então porque é que os seguros de saúde e de vida são os mais importantes que deve fazer?
Agora vou dar-lhe umas breves dicas sobre o que deve estar atento na escolha de um seguro de saúde ou de vida:
Seguro de Acidentes Pessoais com Complemento de Saúde – contrate um que tenha pelo menos Hospitalização, Consultas e Medicamentos. Cobertura de Doenças Graves é essencial e começam a haver seguradoras que propõem essa cobertura.
Começam a surgir seguros de saúde sem data limite de permanência. Opte por estes.
Os períodos de carência normalmente são de um ano para operações e parto e três meses para consultas. Só em caso de Acidente é que não há período de carência, bem como transferências de uma seguradora para outra, desde que tenha usufruído dessas coberturas no seguro anterior.

Leia as exclusões – a mais importante é que doenças pré-existentes antes da contratação do seguro estão excluídas (operações e tratamentos), excepto em consultas. Medicamentos de venda livre também estão excluídos bem como produtos dermo-estéticos.
Seguro de Vida – cobre a Morte e Invalidez em caso de doença e acidente. Contrate um com Invalidez Total e Permanente – é uma Invalidez que lhe retira a possibilidade de poder produzir e ganhar o seu ordenado. Ela é determinada em junta médica com base em percentagens (mínimo 66%). Existe Invalidez Absoluta e Definitiva (100%) em que necessita de uma terceira pessoa para satisfazer as necessidades mais básicas. Não fique só por esta invalidez.
Quanto ao capital a definir, aconselho que determine um capital que permita pagar todos os seus créditos e ao mesmo tempo permita criar uma almofada financeira para sua família ou mesmo para si em caso de Invalidez.
Tenha em mente que não existem seguros de saúde e de vida baratos e caros. Tudo depende do que pretender.
A nível de empresas, estes seguros são benéficos para todas as partes
Passo a explicar:
– Para a empresa e desde que a generalidade dos colaboradores esteja no seguro, pode deduzir em sede de IRC até 15% da massa salarial bruta os montantes despendidos com estes seguros. E funciona como factor motivacional e de retenção de colaboradores.
– Para o colaborador – sente-se motivado por ter estas regalias, além dos motivos já expostos neste artigo.
Esteja à vontade para comentar ou colocar questões.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Pages